terça-feira, janeiro 09, 2007

Na banheira

Enchi a banheira, como habitualmente, com água quente e muita espuma!
Depois de um dia cansativo, não há nada melhor do que ficar a relaxar dentro de água, a escutar o silêncio!


Estava sozinha, mas a solidão não me pesou!
Desliguei os telefones, apaguei as luzes, acendi as minhas velas de cheiro, e deixei-me ficar!
Apaguei o pensamento!
… acho que adormeci!...
Não pensei no Rei, não pensei no filho que ele vai ter, não pensei na traição, nem na dor que ainda me consome!
Não pensei no trabalho, nem nos clientes, nem na montanha de coisas que ficou lá por resolver!
Não pensei em nada, absolutamente nada!

Senti apenas a água quente a envolver-me, a acariciar-me!

Ontem o Rei esteve cá em casa!...
Eu tinha acabado de desarmar a árvore de Natal e de arrumar tudo, quando ele apareceu!
Não houve beijo, nem toques, nem coisa nenhuma!

“Estás bem?”, “Sim, e tu?”, “também…”

Sentou-se no sofá a ver televisão!
Achei incrível aquele comportamento, mas não lhe disse nada! Ultimamente ando demasiado cansada até para discutir! Sobretudo com ele…

Passado um bocado levantou-se, vestiu o casaco e levantou-me do sofá, segurando-me pelas mãos!
Penso que a intenção era despedir-se…
… mas beijou-me!
Beijou-me sem cerimónias, uma beijo quente, de língua!
Tentei não responder, mas também não resisti!
Senti aquele beijo cheio já de desejo, de tesão pura!
Acho que durou alguns minutos, só com o beijo… sem carícias, sem amassos, sem mais nada!
Mas depois… acendeu-se este fogo que sentimos um pelo outro e que parece maior que o mundo, mais forte que tudo o resto!
Despimo-nos um ao outro com pressa, ávidos dos nossos corpos, sem raciocinar sobre o que estávamos a fazer!
Ele empurrou-me para cima do sofá, abriu as minhas pernas, e começou a comer-me! Controlei as minhas contracções e concentrei-me no prazer, no meu prazer! Podia ouvir os gemidos dele, misturados com os meus, a deliciar-se comigo! Sentia o prazer dele em comer-me! E foi fantástico! Quando me vim para ele, foi incontrolável! Foi um orgasmo enorme, que parecia que não ia parar!
Depois, ele colocou-me de joelhos, no chão, debruçada sobre o sofá!
Inclinei-me, espetei o meu rabinho e senti-o penetrar-me! Fundo, bem fundo, como eu gosto!
Tentei não me movimentar muito, porque sei que se o fizesse, ele teria prazer num instante!...
Limitei-me a senti-lo entrar e sair de dentro de mim, num vaivém crescente!
Ele segurava-me pelas ancas e beijava-me no pescoço, no canto da minha boca, nos ombros, onde conseguisse chegar!
A língua dele brincava com a minha pele, enquanto o caralho dele me fodia cheio de tesão!
Bastou-me fazer alguns pequenos movimentos para ele se descontrolar!
Senti o orgasmo dele potente, exigente, poderoso em mim!

Perguntei, baixinho: “porque é que ninguém faz amor comigo como tu?”

Abraçámo-nos, beijámo-nos, deixámo-nos ficar assim um bocadinho, ainda encaixados um no outro!

Claro, depois ele foi embora…
E eu deitei-me!

E hoje, sozinha na minha banheira, a mesma banheira onde fizemos amor vezes sem conta, nem nisto eu pensei!...

15 comentários:

Alberto Fagundes disse...

expressas-te duma maneira, é impossivel não sentir tesão e não visualizar na nossa cabeça todos os pormenores que exprimes

Nuno disse...

Posso perguntar muito baixinho! "Porque ninguém faz amor como tu?"

Cumprimentos

Pai, Marido e Homem disse...

Desculpa-me a intromissão, mas posso dar um humilde conselho? Sinceramente, vocês têm um assunto "pendente", tentem sentar-se muito calmamente e descobrir se aquilo que vos une é maior do que aquilo que vos separa. Depois disso feito, penso que será mais facil para ambos tomarem uma decisão coerente com o vosso coração e vontade. Já agora, continua a escrever, tens imenso jeito. Apesar de tudo porque estás a passar, um FELIZ 2007, sê feliz e faz os outros felizes.

Afonso disse...

pois... "acendeu-se este fogo que sentimos um pelo outro e que parece maior que o mundo, mais forte que tudo o resto!".
já te escrevi uma vez isto, mas 'o amor é fodido' é o grande MEC que o diz, por isso é mesmo verdade.
Tudo de bom, linda!

Anónimo disse...

ui ui...:))
Isso tem que se resolver!!:)
bjs
Ines e filipe
http://adultxposure.com/inviters

noivo disse...

ele chegou a responder?

KJ disse...

Tens umas pernas ke merecem ser elogiadas e cobiçadas!!

Malditas Mulheres disse...

Essa aqui é da família... família maldita. Maldita distante... mas ainda assim parente!

Te esperamos em visitas!
^.^

Claudia by Anjo Sensual disse...

Oi, vim agradecer o seu carinho e desejar um ótimo final de semana!
bjsss

Anónimo disse...

Ao chegar aos cinquenta, como eu, é que lamentamos as que não demos em idade mais pujante! É que a tesão mantem-se, mas há muita carne flácida, menos energia e mais medo da falhar!

Foxylady disse...

Amiga concordo com o pai, marido e homem...

Antes que te magoes mais resolve o assunto pendente...
Já passei por algo parecido mas eu é que tinha o filho e ele casou mais tarde mas no entanto não me largava...
Imagina ter um caso com a ex-mulher...

havia sentimento mas algo errado e acabamos por seguir caminhos diferentes antes que doesse mais...

Sei que é bom mas pode haver melhor!
E tu mereces melhor!!!

Laura disse...

Heidi querida!
Obrigada pelos teus votos de ano novo, em dobro para ti.
Vim visitar-te neste domingo que me está a pesar toneladas...fiquei a ler-te na tua banheira...q dor deves ter sentido por tudo isso...como eles nos podem magoar tanto, não é?
Paixões loucas, e o pior é q são do tipo que eu prefiro viver; não gosto de coisas mornas.
Deixo-te muiiitos beijos bela mulher, companheira blogger

Anónimo disse...

Tudo é celestial e sensual!! E tu se "fazes" tão bem quanto escreves, deves ser mulher para viver e dar a viver loucuras. Mas algo me causa espanto ou perplexidade. Se o que pretendes , na tua relação com o Rei é apenas sexo, prazer, descomprimir todo o tesão que tens a faculdade de acumular facilmente, porque te queixas de infidelidades? Não será que o rei, cansado de sexo tenha encontrado algo que lhe esteja a despertar o lado que vocês não exploram? O Sentimento, o coração, O AMOR? Se tu e ele são só sexo e um dia te apaixonares a sério por alguem antes mesmo de haver sexo, como farás? Diz-me pois, provalvemente vais-me ajudar na minha vida! Desejo-te muito bom sexo, muito prazer e que não te esqueças que és "Pessoa inteira"
o teu amigo(que não conheces, claro) Adamastor

cheiodetesao disse...

Apesar de andar um pouco em baixo, estes teus últimos dois posts, (que agora li) deixaram-me cheio de tesão.

Olá Heidi, beijinhos...

Octupus disse...

adoro esta tua maneira de escrever...é quase como se estivessemos convosco a presenciar no vosso prazer!