terça-feira, julho 24, 2007

Wild Sex

Ele tocou à campainha...
... abri a porta nos trajes normais para estes dias de calor: cueca e soutien!
Ele sorriu, maroto, e disse "Já estás assim?"
Eu respondi-lhe: "Já não te lembras? Com o calor dispo-me assim que chego a casa!..."
Agarrá-mo-nos logo, quase de imediato!
As bocas colaram-se e as línguas, doidas já, brincaram uma com a outra sem pudores!
Agarrei-o com força, puxei-o para mim, quase parecia que os nossos corpos se iam fundir um no outro!
Sentia as mãos dele percorrem cada milímetro da minha pela, puxando a minha carne com desejo, devorando-me!
As roupas dele depressa caíram pelo chão, junto com a minha lingerie!
Parecia que o Mundo ia acabar de seguida, tal era a sofreguidão com que nos devorávamos!
Parecia que uma tesão incontrolável estava a tomar conta de nós por inteiro, sem qualquer controle, sem qualquer pensamento racional!
Beijá-mo-nos! Muito! Tanto! Por todo o corpo!
Ele sentou-se no sofá e eu no colo dele, roçando já a minha ratinha molhada por aquele caralho tão duro, mais que pronto para me foder toda!
Não quis que ele me penetrasse logo! Estava a morrer de saudades de fazer um bom broche! De sentir o pau dele entesado na minha boca, a pulsar dentro de mim, brincando com a minha língua! Chupei-o todo, engoli-o quase até ao fundo da garganta, encharquei-com a minha saliva! Que fome!!!
Ele pediu para parar e eu apenas respondi: "Obriga-me!"
Parecia que a uma loucura desmedida nos tomava conta dos corpos e das mentes! Ele levantou-me com força pelos braços e "obrigou-me" a virar de costas, dobrando-me as costas e fazendo com que a minha bunda ficasse toda aberta para ele!
Senti-o penetrar-me fundo, com força..
... bom demais!!!
Quando estávamos prestes a chegar ao orgasmo, ele saiu de dentro de mim e virou-me de frente para ele; empurrou-me para o sofá e deixei-me cair de costas, com as pernas abertas!...
... e aí, aquela boca de que eu tantas vezes me lembrava, aquela língua atrevida que me provocava e me fazia vir uma e outra vez...
... estavam agora na minha coninha!
Ele chupava o meu grelo com tanto vigor como eu tinha-lhe chupado o caralho; a língua dele fodia-me bem, depressa, doida, em todos os buraquinhos que conseguia entrar!
Senti o orgasmo apoderar-se de mim, mas ele continuo como se nada fosse!
Vim-me, a gritar!
E vim-me de novo, e outra vez...
Não conseguia para de ter espasmos de prazer, parecia que a minha ratinha estava com vida própria!
Aproveitando estes movimentos de prazer, ele penetrou-me outra vez!
E senti o caralho dele a chegar mais fundo do que era capaz de me lembrar!
E ele veio-se para mim sem qualquer defesa!
Foi um prazer intenso, animal e completamente irracional!
Ninguém me fode como o meu Rei!

22 comentários:

Paulo disse...

Jeez Louise.

Até tou a suar. Devia ter esperado até chegar a casa pra ler esta história.

more please

Paulo

Laura disse...

Heidi!!!
Que belo regresso, fico contente.
Acreditas q outro falei de ti? O que faz a blogosfera às pessoas.
Adorei o post!
Tantos beijos

Laura disse...

errata: outro dia falei de ti

Um Momento... disse...

Ena!!!
Volta em grande!!
Que sejas muito bem voltada !!!
Esse teu texto... ufffffff:)))
Que calir:)))

Beijoooo e Sorri... estamos aqui:)))

(*)

® Jasmin disse...

Isso é que foi um regresso em grande!! Bem wild!! Adoro wild sex em que mais parece uma luta de corpos!
Continua a escrever querida!
beijocas

Menadel disse...

Passei... vou voltar! Gosto da escrita desinibida...

Anónimo disse...

Como sabes, já tinha saudades de ti. E tal como o teu sexo com saudades foi louco, também a tua escrita consegue provocar calores. Há homens com muita sorte...
Beijos, "Ana".

mitro disse...

Pois...
Estesposts deixam ciúmes!

Gaja Boa 2 disse...

Eu sabia que a tua história com o Rei não podia acabar assim...é muita paixão pa ser abafada!

bjs

0.02 disse...

:)

cheiodetesao disse...

Foda-se, que tesão...

Por isto, por aquilo e por tudo o mais que sabes... que tesão mais boa!

:)

The Mystery Artist disse...

Por relatos destes é que ficaste guardada nos meus favoritos! :)
mARK

D. Sebastião disse...

Possa! Até eu fiquei cansado.

Beijo XXX

Shelyak disse...

Wild sex...físico e mental...the best, no doubt at all...
Beijinho para ti! :)

Um Momento... disse...

Passei para te deixar um sorriso:)))
E um beijinho de um bom fim de semana

(*)

Mulheka disse...

Regresso em grande ;)

ErosLibru disse...

Uma primeira visita...
Demmorei-me...
Gostei...

Casal Anjo Sensual disse...

Oi Heidi, estávamos com saudades e adoramossssssss seu regresso!

Foxy disse...

Que toda a desilusão fique para trás.... deixa a mágoa fugir por entre os dedos... E ama, AMA a VIDA!!!


beijossss

engatilho disse...

um reinado feliz!
que deliciosa ode carnal...

EXCITAÇÕES disse...

Descobri-te agora e gostei. Wild Sex sempre!

beijos com prazer

Bohemian like you disse...

que bom poder voltar a ler-te! Espero que inspiração não falte, por eu já sentia falta desta companhia... :)